segunda-feira, 3 de abril de 2017

FILME CONTA HISTÓRIA DE CRISTÃOS QUE SALVARAM JUDEUS

Está em cartaz nos cinemas americanos, o filme “O Zoológico de Varsóvia” [The Zookeeper’s Wife], que  história de um casal polonês que salvou muitos judeus durante a Segunda Guerra mundial.
Faz lembrar filmes como a lista  Schindler, o Pianista, entre outros, que também fizeram homenagens a todos aqueles que salvaram os judeus durante  perseguição promovida pelo endemoninhado do Hitler, que se considerava m deus, e todos  os alemães habitantes de algum monte Olimpo alemão.
esse casal era cristão, e todos sabem que os cristãos de verdade amam o povo judeus, povo da promessa, embora só um terço será salvo, pois a maioria deles não quer saber do evangelho, e morrem sem salvação como qualquer  um.
Vale a pena assistir esse filme, pois é uma boa história passada nesse país.
Seria bom se fizesse filme sobre um brasileiro e também um português, ambos diplomatas, que livraram muitos judeus da morte. O brasileiro, durante o governo de Getúlio Vargas, e o português indômito, na Segunda Guerra. Eles merecem essa homenagem.
Foi dentro das grades desse zoológico que eles livraram os judeus, e demonstraram o verdadeiro amor cristão, diferente do que faz a Igreja Presbiteriana no Brasil, tomado de doutrinas comunista, que odeiam os judeus, e são mais aproximados com os árabes. Deus me livre.
Embora Hollywood não reconheça os cuidados de Deus, embora tenha morrido 6 milhões de judeus, Deus providenciou que muitos se salvassem. Ele age assim.