sexta-feira, 30 de setembro de 2016

CRISTÃOS, NÃO VOTEM NA ESQUERDA!


Chegamos à eleição, amados!Numa democracia, essa é uma forma bem interessante de mudar um país, cidade, estado. aparentemente isso, pelo menos. Vamos ver a quem damos o voto.
Para começar, um cristão não deve votar na esquerda, pois essa ideologia é a contra a família, valores morais arraigados na sociedade, como o respeito aos pais, à igreja, ao casamento hétero, entre outras coisas. A esquerda detesta isso. Partidos como PSOL, PSB, PC do B, PSD,PSC,entre outros, apoiam isso, se bem que há até igrejas que têm seus correlegionários nesses partidos. Querendo ou não, estão apoiando tudo o que ela representa. Não entendo como cristãos apoiam esses partidos. Querendo ou nao, estão apoiando tudo o que essa ideologia têm feito, como a matança de milhões de pessoas (mais de 100 milhões) segundo estimativas. O autor dessa ideologia, Marx, juntamente com Engels, eram ateus declarados, e blasfemos inveterados, que odiavam tudo aquilo que Deus fez, como a família. Não votem na esquerda.

A SEDUÇÃO DA IGREJA


A moda agora é a igreja,
Pra mostrar que é rica,
Entrar na Política.
Por ela agora tudo se quita.

Não há mais oração
Pra se mudar decreto;
Ter alguem no poder é o mais certo.
Pra quê jejum, se o poder é concreto?

Nos púlpitos não sobe um salvo
Mas sobe um mentiroso
Cheio de intrigas e pecado.
Pactos estranhos é o alvo.

a Noiva foi seduzida,
Seus sentidos corrompidos;
Paulo choraria
Por isso; não teria alegria!

Se orgulham de conhecer Fulano,
Da influência de Beltrano,
Mas se esquecem que do ser humano
Deus é o Soberano.

Apontam a solução:
"Eis nosso irmão!"
Mas a igreja é de Cristo,
Ela está em suas mãos!

Lutemos contra isso;
Ao altar voltemos.
Por os olhos só em Cristo
É isso que queremos!

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

MULTA APLICADA AO PASTOR


O pastor de uma igreja evangélica de Campinas,SP, Thiago Sans, foi, com a vereadora que ele apoiou em um culto, Leonice da Paz (PMDB) dizendo que só era preciso "15.444" orações, multado em 14 mil reais.Eles descumpriam a resolução 23.044, do TSE. Os dois terão que pagar isso por causa da propaganda ilícita.
O MPE não aceitou a desculpa da vereadora, que "a culpa foi ós do pastor". a lei não permite que cultos evangélicos sejam transformados em comício, pois contraria a natureza dele. Já pensou se em todas as igrejas onde houvesse isso, alguém denunciasse, e o MPE multasse todas elas? Muito dinheiro seria pago por essas igrejas, e ficariam envergonhadas. Querendo ou não admitir, o pastore está errado, por descumprir a lei, e por mais que ele queira mostrar inocência ou dizer que essa lei é para que os candidatos da igreja não sejam eleitos, não se sustenta. Lei é lei. "Dai a Cesar o que é de Cesar", disse Jesus.Culto é culto, comício é comício. Bem feito.

A CARTA DE ELIAS PARA O REI JEORÃO


No capítulo 21 do livro de segunda Crônicas, há um relato bem pouco falado sobre o rei Jeorão e Elias, profeta de Deus.
Jeorão foi filho de Josafá, um rei piedoso, que teve lindas experiências com Deus, e fez o que foi preciso para o nome de Deus ser glorificado. No capítulo vinte desse mesmo livro, há um lindo relato sobre uma vitória desse rei sobre vários povos. Mas vamos ao que interessa sobre Jeorão. Depois de fazer o que era mal aos olhos de Deus, entre essas coisas a morte covarde de seus irmãos, os quais matou de maneira cruel, fez muitas maldades nos oitos anos que reinou, ele e sua mulher, filha de Jesabel, fizeram coisas que enfureceram a Deus, até que derramou sua mão sobre esse rei ímpio. Um profeta mandou para ele uma carta. Era Elias. O profeta do Norte, enviou uma carta para o rei do Sul. E que juízos levou essa carta!
Nessa carta, o profeta cita as maldades desse rei, e dizia que ele teria uma doença terrível, a qual mataria ele depois de intenso sofrimento. Depois de um tempo, esse rei ficou doente, e essa doença foi tão terrível, que ele teve seus instestinos para fora. Foi algo de Deus só para ele. Não há relatos de nada parecido em toda a Bíblia. Só esse rei morreu disso. Embora muitos comentaristas queiram explicar que doença foi essa, não há pista alguma na Bíblia sobre isso.
Nos perguntamos como alguém tão piedoso como Josafá teve um filho tão mal, que imitou os pecados de Acabe e Jesabel, os quais fizeram terríveis coisas contra Deus e seu povo. A mesma natureza de sua mãe Jesabel, tinha a mulher de Jeorão. Mas ele mereceu o castigo de Deus, de acordo com seu pecado. Deus não é brincadeira. Um dia cobra cada pecado, cada erro feito, se não houver arrependimento.
E morreu Jeorão, amaldiçoado, desonrado, pois ninguém queimou incensos para ele, pois assim se honrava os reis que morriam naquela época, queimando caras ervas aromáticas em sua memória. Nem sequer foi sepultado com os reis de Judá. Foi uma vergonha para Judá. Morreu na obscuridade, foi-se sem deixar saudades. Assim sucede com todo aquele que desonra a Deus.


quarta-feira, 28 de setembro de 2016

A ERA DOS PASTORES POLÍTICOS

Na eleição deste ano, 250 candidatos são religiosos, EVANGÉLICOS, e usam esse título em suas candidaturas, como pastor (195), missionários (33),bispos (14), apóstolos (7), e presbítero (1).
Esse levantamento foi feito pela revista Veja, e mostra que, cada vez mais, líderes eclesiásticos estão buscando se envolver na política. É algo que cresce muito ultimamente. Será que o propósito da igreja está mudando? Talvez tenham caído no mesmo erro de Demas, colaborador do apóstolo Paulo, que amou o mundo de seu tempo e abandonou o ministério de ganhador de almas. É de se pensar isso.
Fico admirado que um pastor, depois de trinta anos abandone seu ministério para ser um político. É descer muito! Jamais um pastor devia abandonar esse tão grande propósito, que é cuidar da igreja, para abraçar uma ideologia política. Os que quisessem ser políticos, deveriam abandonar a igreja, e o título, e se dedicarem só à política.
Essa eleição mostra o rumo estranho que a igreja tá tomando; um rumo errado, diga-se de passagem.Não é errado ser político, só penso que abandonar o rebanho e a santa obra para isso, é uma anomalia.

terça-feira, 27 de setembro de 2016

PROCURA-SE



Procura-se uma igreja onde não se venda a doutrina em prol de bens materiais, que não haja políticos nos púlpitos, e nem haja misturas com as ideologias políticas. A mesma não deve pregar em seus púlpitos que é superior às outras, mas ter consciência que é  o que é por causa da graça de Deus, e, por mais que se esforce, não há mérito nisso, pois é pela graça, e não porque merece. Que haja seriedade e pureza em tudo que professa, e jamais manipule a verdade para basear a opinião de ninguém. Quem encontrar uma igreja assim, favor ligar para o número 777333.